domingo, 8 de junho de 2008

video

Lord, I lift Your Name on high!

Lord, I love to sing Your praises!

I'm so glad You're in my life!

I'm so glad You came to save us!

You came from heaven to earth to show the way

From the earth to the cross, my debt to pay

From the cross to the grave, from the grave to the sky

Lord, I lift Your name on high

sexta-feira, 6 de junho de 2008

DOE VIDA



Você é doador de medula óssea?


EU SOU


Seja você também um doador...

Ajude a salvar vidas...


Quem precisa?


Pessoas portadoras de leucemia - que é o câncer no sangue - e portadores de doenças do sangue.


O que precisa para ser um doador de medula óssea?


Qualquer pessoa entre 18 e 55 anos com boa saúde poderá doar Medula Óssea. Esta é retirada do interior de ossos da bacia, através de punções e se recompõe em apenas 15 dias.

Para o doador, a doação será apenas um incômodo passageiro. Para o doente, será a diferença entre a vida e a morte.

É possível se cadastrar como doador voluntário de medula óssea nos Hemocentros de cada Estado. Procure um Hemonúcleo mais próximo de sua residência e informe-se


Qual o procedimento?


Será retirada por sua veia uma pequena quantidade de sangue (10ml) e preenchida uma ficha com informações pessoais. Seu sangue será tipado por exame de histocompatibilidade (HLA), que é um teste de laboratório para identificar suas características genéticas que podem influenciar no transplante. Seu tipo de HLA será incluído em nosso cadastro. Quando aparecer um paciente, sua compatibilidade será verificada. Se você for compatível com o paciente, outros exames de sangue serão necessários. Se a compatibilidade for confirmada, você será consultado para decidir quanto à doação. Seu atual estado de saúde será então avaliado.

A doação é um procedimento que se faz em centro cirúrgico, sob anestesia peridural ou geral, e requer internação por um mínimo de 24 horas. Nos primeiros três dias, após a doação, pode haver desconforto localizado, de leve a moderado, que pode ser amenizado com o uso de analgésicos e medidas simples. Normalmente, os doadores retornam às suas atividades habituais depois da primeira semana.


A doação de medula óssea é um gesto de solidariedade e de amor ao próximo.

Doe....



terça-feira, 3 de junho de 2008

O caçador de borboletas


As 13 coisas que você não poderia morrer sem saber



1 - Ratos não vomitam.
2 - Os ursos polares são canhotos.
3 - Você pisca aproximadamente 25 mil vezes por dia.
4 - Os russos atendem ao telefone dizendo “Estou ouvindo“.
5 - Ninguém consegue lamber seu próprio cotovelo.
6 - O Oceano Atlântico é mais salgado que o Pacífico.
7 - O elefante é o único animal com quatro joelhos.
8 - A cada ano, 98% dos átomos do seu corpo são substituídos.
9 - Rir durante o dia faz com que você durma melhor a noite.
10 - 15% das mulheres americanas mandam flores para si mesmas no dia dos namorados.
11 - Seu cabelo cresce mais rápido a noite, e você perde em media 100 fios por dia.
12 - A barata consegue sobreviver por nove dias sem a cabeça antes de morrer de fome.
13 - 75% das pessoas que leram essas 13 coisas, tentaram lamber o próprio cotovelo!


Você tentou? Deixe seus comentários!



terça-feira, 27 de maio de 2008

Chocolate: um veneno letal aos cães


Há um composto químico no cacau chamado teobromina, semelhante à cafeína, que é extremamente tóxico aos cães quando ingerido em certa quantidade (100 a 150 ml por quilo do cachorro).
Cada tipo de chocolate tem uma quantidade diferente de teobromina, ficando muito difícil aos criadores saber o quanto pode-se dar ao seu melhor amigo. Não é tão incomum um cachorro atacar uma cesta de Páscoa e comer meio quilo de guloseimas. Nesse caso, se o cachorro for pequeno, a travessura pode ser fatal.
O melhor a fazer é manter os cães longe de chocolates. Nada de ceder quando eles fizerem carinhas de "me dá só um pedacinho, vai?". Afinal, é pro bem deles, né?!

segunda-feira, 26 de maio de 2008

Quem eu sou?


"É curioso como não sei dizer quem sou. Quer dizer, sei-o bem, mas não posso dizer.Sobretudo tenho medo de dizer porque no momento em que tento falar não só não exprimo o que sinto como o que sinto se transforma lentamente no que eu digo."

quinta-feira, 22 de maio de 2008




O maior quadro existente pintado por artista brasileiro é a Batalha de Avaí, criado em 1874 pelo paraibano Pedro Américo (1843-1905). A tela, que faz parte do acervo do Museu Nacional de Belas Artes do Rio de Janeiro, mede 6 x 11 m, tendo área total de 66m2 , e foi pintada em Florença, Itália, por encomenda do governo brasileiro. Foi exposto pela primeira vez a 1o de março de 1877, em Florença.

quinta-feira, 15 de maio de 2008

A ROSA





terça-feira, 13 de maio de 2008

Djavan - simplesmente amo!



Uma música das músicas que mais gosto do Djavan é "Se"

Eu tentei colocar o vídeo aqui, mas, não deu certo!

=(

mas, vou escrever aqui, pelo menos isso né?


Se


Você disse que não sabe "se não",

Mas também não tem certeza que "sim".

Quer saber? Quando é assim, deixa vir do coração!

Você sabe que eu só penso em você,

Você diz que vive pensando em mim.

Pode ser, se é assim, você tem que largar a mão do não,

Soltar essa louca arder de paixão.

Não há como doer pra decidir,

só dizer "sim" ou "não",

Mas você adora um "se"


Eu levo a sério, mas, você disfarça.

Você me diz à beça e eu nessa de horror.

E me remete ao frio que vem lá do sul.

Insiste em "zero à zero" e eu quero "um à um".


Sei lá o que te dá, não quer meu calor.

São Jorge, por favor, me empresta um dragão.

Mais fácil aprender japonês em braile,

Do que você decidir, se dá ou não.


Composição: Djavan...

segunda-feira, 12 de maio de 2008

Enfermagem - um ato de amor




Hoje eu começo os meus estágios de enfermagem!


é muito gratificante esse tipo de profissão, além de estar ajudando a salvar vidas, recebemos os carinhos dos pacientes e vemos o progresso que cada um tem.


Sei que às vezes é dificil quando se tem uma morte, mas, temos que ser fortes para superar cada obito que aparecer na nossa frente!




Enfermagem. A vida como prioridade!







sábado, 10 de maio de 2008

Arthur da Távola


No dia 09/05/2008, o Brasil perde uma pessoa ilustre, inteligente, culto...vítima de problemas cardíacos. Ele apresentava um programa na Tv Senado, intitulada "Quem tem medo de música clássica". Uma das frases que ele sempre falava e da qual eu gosto muito é seguinte:

"Música é vida interior e quem tem vida interior, jamais padecerá de solidão."

Muitos das pessoas que o conheciam...que aconpanhavam os seus trabalhos, vai sentir falta! Assim como eu...

Acompanhem abaixo um pouco sobre Arthur da Távola, ou Paulo Alberto Monteiro de Barros.

O ex-senador e jornalista Paulo Alberto Monteiro de Barros, conhecido como Artur da Távola, 72 anos, morreu vítima de problemas cardíacos em casa, nesta tarde, na zona sul do Rio de Janeiro. Ele era presidente da rádio Roquette Pinto, conhecida como 94 FM, que pertence ao governo fluminense. O político foi senador de 1995 a 2003 e também atuou como deputado federal e estadual.

Nascido no dia 3 de janeiro de 1936, Arthur da Távola começou sua vida parlamentar em 1960 como deputado federal do PTN. Ele foi cassado pelo regime militar e viveu na Bolívia e no Chile, entre 1964 e 1968. Ao voltar ao País, o jornalista passou a usar o pseudônimo de Arthur da Távola.
Távola foi um dos fundadores do PSDB e liderou a bancada tucana na Assembléia Constituinte, em 1988. Também na década de 80, ele presidiu a Subcomissão de Educação e Esporte na Câmara Federal, contribuindo para itens sobre atividades esportivas na Constituição Brasileira. Em 2001, o político ocupou o cargo de secretário das Culturas do município do Rio.
O ex-senador era o mais antigo funcionário em atividade da Rádio MEC, onde estreou em 1957 e apresentava um programa sobre música clássica. Na TV Senado, o jornalista também teve um programa sobre o tema, chamado Quem tem medo de música clássica?. Durante 15 anos, assinou uma coluna sobre televisão no jornal O Globo. Ele também trabalhou no extinto grupo Bloch Editores e escreveu colunas semanais no jornal O Dia.
O jornalista era escritor e publicou vários livros. Arthur da Távola se formou em Direito pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC).

sexta-feira, 9 de maio de 2008

Açaí



Nome popular: açaizeiro; açaí-do-pará


Nome científico: Euterpeoleracea Mart.


Origem: Brasil - Várzeas e margens dos rios da região amazônica.




A Fruta


Originária de uma palmeira que cresce nas várzeas do Rio Amazonas, o açai é uma frutinha arredondada e muito roxa, quase preta, lembrando uma jaboticaba pequena. Tem uma caroço proporcionalmente grande e pouca polpa
Normalmente o açaí ao natural é servido em uma tigela, ou batido no liquidificador, com aparência de sorvete, com xarope de guaraná, suco de uma fruta, e acompanhado de granola. Quem já experimentou diz que a segunda tigela "vicia".


A Árvore


A palmeira do açaí nasce em touceiras com cerca de 6 troncos, que são ligeiramente curvos. Cada tronco dá até quatro cachos com frutos. É uma planta que prefere os terrenos alagados e áreas úmidas. Por isso sua ocorrência é mais freqüente nas margens dos rios, como o Amazonas.
Como floresce e frutifica o ano todo, é possível encontrar na mesma árvore, desde flores até frutos maduros.
Dessa árvore, que chega a 30 m. de altura e tem nome e sobrenome (Euterpe oleracea Mart.) aproveita-se tudo. As folhas são usadas para cobertura de casas; a madeira é usada em construções rústicas; as fibras das folhas para tecer chapéus, esteiras e ''rasas'', cestas utilizadas como medida-padrão no transporte e comércio da fruta; os cachos secos são aproveitados como vassouras.


A Lenda


Segundo a lenda, há muitos e muitos anos vivia uma tribo indígena, onde, hoje, está situada a cidade de Belém. Numa determinada época a escassez de alimentos se tornou um problema para seus habitantes, levando o cacique a decretar a proibição de nascimentos. Por ironia do destino, porém, a filha do cacique , que se chamava Iaça, ficou grávida. O cacique não voltou atrás em sua decisão e mandou matar seu próprio neto. Iaça chorava dia e noite a perda do filho, até que uma noite ouviu o choro do filho vindo da direção de uma árvore que tinha umas frutinhas cor de vinho. No dia seguinte a índia Iaça foi encontrada morta, abraçada ao tronco dessa árvore. O cacique pediu, então, que os cachos da fruta fossem apanhados, tirando daí o vinho para alimentar os índios da tribo. Às frutinhas ele chamou Açaí, em homenagem à sua filha Iaça (Açaí ao contrário), e acabou revogou o decreto que proibia o nascimento de crianças, pois o açaí bastava para alimentar a todos.


Os Benefícios do Açaí


O Açaí é uma palmeira típica da Região Amazônica. Além de ter um sabor delicioso e refrescante, é rico em lipídios e vitamina E, que ajuda a combater os radicais livres. A alta concentração de fibras melhora as funções intestinais, percebidas em duas semanas de consumo. A presença de vitamina B1 e o teor elevado de pigmentos anticianianos que são antioxidantes, favorece a circulação sanguínea. Mas, seu componente mais importante é o ferro, indicado no tratamento de anemias e fortalecimento muscular.
Por causa de seus valores nutricionais, o açaí vem despertando o interesse de pesquisadores de todo o mundo. Uma pesquisa realizada pela Universidade Federal do Pará e coordenada pelo químico belga, Herve Rogez, levantou a tabela nutricional do açaí, permitindo concluir que este é o ingrediente perfeito para um café da manhã reforçado e para praticantes de atividades esportivas, crianças e executivos.
Por ser rico em ferro, fibras, fósforo, minerais, gordura vegetal, cálcio, potássio e vitaminas, a fruta parece ter saído do laboratório dos nutricionistas de encomenda para geração saúde
As qualidades protéicas do Açaí começaram a ser disseminadas por praticantes de Jiu-jitsu, e hoje, a fruta é recomendada para praticamente todos, sobretudo para os idosos e para os que têm problemas digestivos. Quem está de dieta não deve eliminá-lo completamente, pois ele é indispensável no transporte de oxigênio para as células. Segundo Herve Roger "uma tigela da fruta contém o total de fibras diárias necessárias para o homem."Por suas características microbiológicas o açaí é considerado uma das mais nutritivas frutas da Amazônia, perdendo apenas para a castanha-do-pará. Colhe-se açaí abundantemente durante todo o ano, especialmente no outono.Seu consumo é feito in natura, em sucos, como doces e sorvetes, entre várias outras formas, que são muito apreciadas, sobretudo no Norte e Nordeste do Brasil, regiões de origem da fruta. A colheita de acaí é abundante durante o ano inteiro, especialmente no outono.


Açai





quarta-feira, 7 de maio de 2008

Algumas curiosidades sobre o Brasil

Curiosidades







A Língua Portuguesa é a quinta língua mais falada do mundo por um total de aproximadamente 191 milhões de pessoas. (The World Fact Book)

A árvore mais velha do Brasil é um jequitibá-rosa com 3020 anos que se encontra no Parque Estadual de Vassununga, em Santa Rita do Passa Quatro em SP. (Rank Brasil).

O Brasil tem a frota de helicópteros que mais cresce no mundo. O tráfego de helicópteros em São Paulo é o terceiro maior do mundo (Revista Veja)

O teatro mais antigo em atividade no Brasil, é o de Ouro Preto, Minas Gerais que está em funcionamento desde 1769 (Rank Brasil).

A bandeira brasileira hasteada na Praça dos Três Poderes, em Brasília é a maior bandeira hasteada no mundo. Por não suportar o vento e rasgar, ela é trocada mensalmente. Cada mês um estado brasileiro diferente é responsável pelos custos da nova bandeira. (Site do Vestibular)

Nos rios amazônicos, já foram descobertas 1.500 espécies de peixes, mas estima-se que exista pelo menos o dobro. Isso é quinze vezes mais do que todas as espécies de peixes encontradas nos rios da Europa. (Revista Veja)

Foi um sergipano radicado na França o criador do primeiro cartaz de propaganda de um filme. Cândido de Faria fez em 1902 o cartaz do filme "Les Victimes de l' Alcoolisme", inspirado na obra de Émile Zola. (Revista Istoé)

Entre São João Del Rei e Tiradentes ém Minas Gerais ainda circula a mais antiga Maria-Fumaça do mundo (desde 1881). Ela faz um percurso de 12 km. (Rank Brasil)

Joinville, em Santa Catarina cedia todos os anos o maior festival de dança do mundo, que reúne 6.000 participantes de 30 países. (Revista Istoé)







segunda-feira, 5 de maio de 2008

Um pouco sobre Agatha Christie


Nascida Agatha May Clarissa Miller em 15 de Setembro de 1890, Agatha Christie é conhecida pelo mundo como a Rainha do Crime. Os seus livros venderam mais de um bilhão de cópias em inglês, além de outro bilhão, em línguas estrangeiras. Ela é a autora mais publicada de todos os tempos em qualquer idioma, somente ultrapassada pela Bíblia, e mais que Shakespeare. Ela é a autora de oitenta romances policiais e coleções de pequenas histórias, dezenove peças e seis romances escritos sob o nome de Mary Westmacott. Ela é, até hoje, a romancista policial mais brilhante que o mundo já viu, conhecida como a Rainha do Crime e Duquesa da Morte, entre outros títulos. Agatha foi pioneira ao fazer com que os desfechos de seus livros fossem extremamente impressionantes e inesperados, sendo praticamente impossível ao leitor descobrir quem é o assassino.
Casou-se pela primeira vez em 1914, com o Coronel Archibald Christie, piloto do Corpo Real de Aviadores. O casal teve uma filha, Rosalind, e divorciou-se em 1928.
Durante a II Guerra Mundial Agatha, trabalhou em um hospital e em uma farmácia, funções que influenciaram seu trabalho: muitos dos assassinatos em seus livros foram cometidos com o uso de veneno.
Em 1930, casou-se com o arqueólogo Sir Max Mallowan. Mallowan era 14 anos mais jovem que a escritora, e suas viagens juntos contribuíram com material para vários de seus romances situados no Oriente Médio. O casamento duraria até a morte da escritora.
Em 1971 ela recebeu o título de Dama da Ordem do Império Britânico.
Agatha Christie morreu em 12 de janeiro de 1976, aos 85 anos de idade, de causas naturais, em sua residência - Winterbrook, em Wallingford, Oxfordshire. Ela está enterrada no Cemitério da Paróquia de St. Mary, em Cholsey, Oxon.
A única filha da autora, Rosalind Hicks, morreu em 28 de outubro de 2004, também com 85 anos, de causas naturais. Os direitos sobre sua obra pertencem agora a seu neto, Mathew Prichard.

Template by:
Free Blog Templates